DECÁLOGO DO BOM PREFEITO

I - Agradeça a Deus por estar aí. Ele fez o povo confiar em suas propostas. Deu-lhe o cargo. Pode tirá-lo a qualquer momento. Peça sua proteção e faça por onde merecer essa distinção.

 

II- Escutei e sirva o Povo. Ele é o mensageiro de Deus. Foi você quem escolheu ser empregado dele. Pode ser despedido, ou não ter renovado seu contrato de trabalho. Passadas as eleições. O povo é só um. Não tem partido. Mas tem consciência.

 

III- Pense e planeje seu trabalho. Aceite riscos, mas não seja aventureiro. Ouse, sem ser irresponsável. Olhe para frente, sem esquecer do ontem e do hoje. O passado oferece lições sábias. O presente, faz muitas cobranças. Sonhe, mas não se perca em devaneios. Tenha o pé no chão e pulso firme.

 

IV- Respeite a sociedade. Não sacrifique. Arrecade com firmeza, mas prestigie os empresários e produtores. Eles geram riquezas. E defenda os consumidores. Eles garantem a produção. Cada tostão pago é gota de suor do povo. Muitas guerras se iniciaram por causa de cobranças excessiva de impostos. O povo sempre venceu. Chame-o para participar das decisões.

V- Administre com austeridade. O dinheiro do erário é do povo. Não use nem preste favor com o que não é seu. O que você recebe como salário e regalias é suficiente. Também não aceite, presentes "desinteressados". Um dia os que lhe favoreceram vão cobra-lhe.

 

VI- Conquiste a confiança e o respeito do funcionalismo. De exemplos. Acate as nomeações de seu antecessor, mas lembre-se que terá sucessor. Apure as irregularidades. Corrija os defeitos. Seja firme com os desonestos. Dispense os incompetentes. Nepotismo, jamais. Não tema desagradar, mas jamais persiga ninguém.

 

VII- Selecione bem sua equipe. Deleque funções, mas não abdique do Poder. Fiscalize e cobre resultados. Valorize o trabalho de equipe, mas cuidado com os que só concordam. Não deserte na hora da decisão. Você é o líder.

 

VIII- Relacione-se respeitosamente com as autoridades. Não seja subserviente. Nem arrogante. Cumpra sua parte e exija o cumprimento da deles. Preste contas e informações de sua gestão. Colabore e auxilie. Faça tudo segundo a Lei. A Justiça tarda mas não falha.

 

IX- Divulgue suas obras e serviços. Orgulhe-se do que idealizou, trabalhou e fez. Não pelo fato de ter feito. Você eleito para isso. Não está fazendo favor. Não construa nada inútil, suntuoso, ou que sacrifique o Erário. É melhor entrar para história por ter evitado erros e desperdícios, do que por ter autorizado esbanjamento e inutilidades.

X- Seja grato aos seus correligionários. Eles o ajudaram a atingir seus objetivos. Mas lembre-se de que a oposição é útil. Respeite-a. Ela verá e ouvirá o que lhe escondem, ou que passa despercebido. Não prometa o q ue não pode ou não deve cumprir. Ajude, se possível. Jamais atrapalhe. Seu mandato é curto, você verá. Mas não termina no último dia da sua gestão. Você precisará de todos em futuro breve.

 

Sérgio A. Frazão do Couto

 

SÓ ASSIM ESTE PAÍS VAI FICAR DE CARA LIMPA.

 

 

voltar